Esclarecimento pré-eleitoral

Ser Sporting, 26 de Fevereiro de 2011 7:48

Na sequência das declarações recentes do Sócio Paulo Pereira Cristovão, candidato pela lista Ser Sporting nas eleições do Clube em 2009, de acordo com as quais o referido Sócio informa integrar uma lista da qual fazem parte diversas figuras associadas aos orgãos sociais nos últimos anos, com vista à participação no acto eleitoral do Clube marcado para o próximo dia 26 de Março, o movimento Ser Sporting vem pelo presente esclarecer o seguinte:

  1. O Ser Sporting demarca-se totalmente desta posição assumida pelo Sócio Paulo Pereira Cristovão, que é pessoal e exclusiva do mesmo e de forma alguma vincula o Ser Sporting;
  2. Esta posição é o culminar de um processo observado após as eleições de 2009,  altura em que o comprometimento deste Sócio com o movimento Ser Sporting findou;
  3. Ainda assim, o Ser Sporting salienta a total incongruência com a posições anteriormente defendidas pelo Sócio Paulo Pereira Cristovão, que, a título de exemplo, votou em Assembleia Geral do Clube contra uma reestruturação financeira que hoje parece considerar essencial, e opôs-se publicamente à cooptação do Eng. Castro Guedes, cuja presença nos orgãos sociais do Clube considera ser hoje imprescindível.
  4. Assim, o presente comunicado justifica-se na estrita medida que o Ser Sporting não aceitará de forma alguma ser associado a esta decisão do Sócio Paulo Pereira Cristovão ou emprestar a este a credibilidade e firmeza de ideais que levou este movimento a reunir o apoio de um grande número de Sportinguistas genuinamente preocupados com o estado e futuro do Sporting Clube de Portugal.
  5. Como tal, os ideais que o Sócio Paulo Pereira Cristovão defendeu no último acto eleitoral, esses deixa-os no Ser Sporting, onde os tinha encontrado, levando deles para o seu novo projecto apenas a facilidade com que os abandonou.
  6. Desde o seu início que o Ser Sporting tem defendido com denodo o ideal de ruptura com as sucessivas direcções compostas pelas mesmas pessoas, subordinadas a interesses que não os melhores interesses do Sporting, tendo-se batido por uma renovação total dos orgãos sociais do Clube, e não por operações cosméticas e mistificações que pretendem manter pessoas e políticas comprovadamente incapazes de o gerirem;
  7. Mais ainda, e entre várias outras medidas, o Ser Sporting sempre pugnou pelo efectivo apuramento de responsabilidades dos actuais e anteriores orgãos sociais do Clube, não se compaginando tais ideais com o apoio a listas que promovam a perpetuação dessas mesmas pessoas à frente dos destinos do Clube;
  8. Assim, a participação do Sócio Paulo Pereira Cristovão em listas eleitorais compostas por elementos como o Sr. Eng. Godinho Lopes, Eng. Castro Guedes e Dr. Rogério Alves não pode deixar de ser entendida como a sua convergência de ideias com a linha da continuidade que desgoverna o Clube há quase 15 anos e, consequentemente, como uma total divergência deste Sócio com o movimento Ser Sporting;
  9. Com efeito, o movimento Ser Sporting não acredita que, em circunstância alguma, os elementos cuja participação na referida lista é já de carácter público permitam ou desejem qualquer renovação no Clube, qualquer apuramento de responsabilidades passadas ou quaisquer medidas tendentes a devolver o Clube aos Sócios e à grandeza que a sua história e pergaminhos exigem, considerando como tal esta lista de continuidade absoluta com a actual linha directiva do Clube, ainda que publicamente veiculada como pretendendo uma suposta ruptura, quiçá ciente da percepção crescente dos Sportinguistas da actuação verdadeiramente calamitosa das direcções anteriores, posta definitivamente a nu pelo mandato dos anteriores orgãos sociais, que representa já uma das páginas mais negras da história do Sporting Clube de Portugal ;
  10. O movimento Ser Sporting, ao contrário do Sócio já referido, não trairá nunca os princípios pelos quais se rege, e que entende serem parte integrante do ADN moral intrínsico ao próprio Sporting Clube de Portugal. Sem estes princípios,  nenhum putativo dirigente recuperará a grandeza do nosso Clube, pois é na actuação e grandeza destes que se espelha o nome da Instituição.

4 Responses to “Esclarecimento pré-eleitoral”

  1. Pawn diz:

    O Ser Sporting apoia algum candidato?

  2. Ricardo diz:

    Também gostaria de saber qual o candidato que O Ser Sporting apoia.
    Obrigado

  3. |SCP-1906| diz:

    só para acrescentar que o ppc não foi o único…há outro ex membro, pedro cunha ferreira que também traiu este movimento

  4. Luis de Magalhães Pereira diz:

    Caros amigos,

    Penso que não era necessário este esclarecimento tal a dimensão das piruetas que PPC deu logo a partir da situação lamentável da demissão dos 4 conselheiros leoninos. Aí logo se verificou quem é que tem princípios e valores e quem não possui nem nunca os possuirá.

    Creio no entanto que devia ser dado o devido destaque à posição lamentável, inconcebível e indesculpável adoptada pelo Pedro Cunha Ferreira, opositor acérrimo do Roquettismo, membro fundador do LdV, e ex-candidato a Vice na lista Ser Sporting, censurando-o de forma severa. No âmbito da defesa inabalável do Sporting que o LdV e o Ser Sporting defendiam e devem continuar a defender o sócio Pedro Cunha Ferreira perdeu toda a credibilidade.

Leave a Reply

Panorama Theme by Themocracy